Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

nuages dans mon café

Quotidiano, inspirações, fotografia, filmes e outras coisas.

nuages dans mon café

52 semanas | 28 de 52

Fonte

AS MINHAS MAIORES NEURAS E MANIAS //

 

ORGANIZAÇÃO, o meu moço diz que eu devo ter mais calma, que não faz mal as coisas estarem fora do sítio, da ordem que supostamente deviam ter, do lugar onde deveriam estar, mas... é quase impossível eu esquecer isso. Se tenho planos e eles começam a ser completamente diferentes do que eu idealizei, a coisa corre mal. Se tenho as coisas em determinados lugares e depois não as encontro lá, normalmente já não sei onde as procurar, porque não está organizado como eu queria.

 

FOTOGRAFAR TUDO, sou completamente viciada nisso: se vejo algo e isso me parece lindo de um determinado ponto de vista, lá vou eu com a máquina e click.

 

OBCECADA COM HORÁRIOS, acho que isto vem um pouco de encontro com a organização, mas eu sou mesmo picuinhas com as horas. Se me dizem "às X horas tens de estar em tal sítio", eu saio de casa bem antes disso e chego antes da hora ou mesmo à hora. Agora aturar aquelas pessoas que nós dizemos "às 9h" e elas chegam 2h depois ou aquelas que dizem "estou a sair" e ainda nem se vestiram, sim, odeio isso. Até porque, imaginem a situação, se estou a sair de casa, de carro e a outra pessoa sabe que eu levo 20min a chegar a casa dela, se digo que estou a sair de casa é suposto só demorar esse tempo e não o dobro. Outra que me chateia e até já chamei à atenção do G sobre isso é dizer aos pais que estão a passar a X sítio ou que estão a sair/quase a chegar e se, por azar do destino, nos acontece algo, não estamos nem a quase a chegar, nem a sair, nem a passar nesse sítio que dissemos. Portanto, para quê mentir, quando podem dizer a verdade, que estão atrasados ou o lugar onde estão a passar? Era bem mais simples.

 

DORMIR SEMPRE TAPADA, não adianta de nada destapar-me, porque no verão, os 20ºC e picos que se fazem sentir em casa durante a noite, não me vão roubar as mantas. Sinto-me profundamente desconfortável a dormir destapada e mesmo que comece a dormir sem mantas, mais tarde tenho de as puxar, porque acabo por arrefecer. Acho que a melhor coisa para mim é a técnica do pézinho de fora a manter a temperatura corporal estável (eheh).

 

ACHAR QUE ESTOU GORDA, quem é que às vezes não se acha gorda? Pois, então eu também tenho essa neura.

Pág. 1/23