Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

nuages dans mon café

Quotidiano, inspirações, fotografia, filmes e outras coisas.

nuages dans mon café

Movie Review | Amigos Improváveis

 

Amigos Improváveis, 2011

Baseada em factos reais, esta dramática história de um milionário que fica tetraplégico depois de um salto de parapente, Philippe, e que contrata um ex-presidiário de um bairro desfavorecido, Driss, para tomar conta dele é bastante surpreendente. Ambos são pessoas diferentes, de mundos diferentes e descobrem que entre eles nasce um elo de amizade que além de improvável é inseparável.

 

Anda há uns 2 anos, provavelmente, para ver este filme, mas como odeio ouvir a pronuncia francesa em filmes, achei melhor nem ver, porque me poderia aborrecer depressa. Houve um dia que achei que ia conseguir ver, mas logo no início desisti. No fim-de-semana passado o filme passou na SIC e eu achei que era a melhor altura para o ver.

 

O filme é uma delicia do início ao fim, nada daquele dramatismo pesado e sentimental que eu achava que iria encontrar e a história flui de uma maneira espantosa! É interessante assistir a isto, sabendo desde logo que é baseada numa história real e que um milionário, apesar de inválido, conseguiu ver qualquer coisa naquele rapaz no momento da entrevista. É de partir o coco a rir quando o Driss começa a aprender a tratar do Philippe, porque ele recusa-se a fazer as coisas, porque lhe dão nojo ou porque é a um homem que tem de fazer, mas no fim faz, apanha-lhe o jeito e é ele quem trata melhor do patrão.

É bom ver que não só o Driss aprendeu a comportar-se, a ser um homem responsável ao conviver com ele, como também o Philippe se deixou de fechar tanto, ensinou coisas importantes à filha e encontrou um amigo que nunca esperou encontrar.

 

Acho que aquilo que mais me impressionou no filme é que vemos o drama, vemos os desafios e mágoas pelas quais o Philippe e o Driss passam, mas há sempre um pequenino apontamento de humor, um pequenino detalhe que faz a diferença. Do nada, nasceu uma amizade completamente improvável, entre o Driss e o Philippe que durou até mesmo quando o Philippe foi morar com a esposa para outro país.

Podemos ver que os amigos aparecem em qualquer altura e se forem mesmo nossos amigos, eles vão ficar. Não é por sermos novos que fazemos amigos para vida, nada disso, até porque aqui vê-se um bom exemplo do que algo tão improvável como ser assistente do dia-a-dia de alguém pode criar uma grande amizade. Um empregado pode ser um grande amigo do seu patrão, se este o tratar como igual, com valor e respeito... algo que pouco se vê, infelizmente.

 

É um filme fantástico, que se consome sem darmos por isso e que eu altamente recomendo.

 

Classificação IMDB: 8,6/10

Classificação nuages dans mon café: 9/10

33 comentários

Comentar post

Pág. 1/2