Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

nuages dans mon café

Quotidiano, inspirações, fotografia, filmes e outras coisas.

nuages dans mon café

BLOGMAS | Dia 28: Sobrevivi ao blogmas!

BLOGMAS | Final

 

Estou viva! Sobrevivi ao blogmas, ao Natal e ainda venho contar-vos a razão porque desapareci do mapa virtual nos últimos dias. Isto é, se quiserem saber das novidades da minha triste vida.

 

Começo por vos contar que fiz uns doces especiais para o meu Natal, uma vez que não posso comer doces. Um deles partilhei no instagram e foi uma receita que a Filipa me deu e eu alterei-a em meu favor: usar só açúcar mascavado, usar natas de soja (uma autêntica delícia) e usar bolachas torradas. Digamos que ficou tão bom, mas tão bom que na noite da consoada desapareceu-me logo metade! Não era enjoativo, nem era doce, era simplesmente super agradável e foi simples de fazer. O outro doce foi gelatina Condi light, simples, com pouco doce e deliciosa. Óptima para matar o bichinho!

 

Em termos de presentes, foi melhor do que eu esperava. Embora não tenha recebido tudo aquilo que eu pedi ao Pai Natal ou nas minhas wishlists, beleza e livros, gostei imenso de tudo aquilo que recebi, que, basicamente, passa por isto: um tripé muito bom de 1,66m do meu amor; um relógio lindo da Radiant da sogrinha; um gorro da Acessorize e uma bolsa de gel Primark para aquecer as mãos, super fofos que deu uma prima; toalhas de mesa que deram as avós do G (já vou preenchendo o enxoval); o livro Chama-lhe Amor de Vera Lúcia Silva, da sempre querida Magda; um creme de mãos e um exfoliante de Ameixa d'O Boticário, que eu adoro, de uma outra prima; um bálsamo caseiro para lábios de mel, da irmã da cunha; uma Fuga para Dois da Odisseias dos cunhados; muitos chocolates que eu não posso comer e algum dinheirinho.

 

Fora tudo isto do Natal e de ver a minha sobrinha a abrir presentes super entusiasmada, tive jantares de Natal entre amigos e família que me souberam lindamente. Infelizmente na minha vida, ultimamente, nem tudo pode correr bem e tem de haver sempre alguma coisa que estrague a alegria: o meu carro avariou. Já há coisa de 1 semana que eu o sentia a perder a força quando engatava uma mudança, mas com tanta coisa para tratar, achei que seria só eu que tirava o pé depressa demais da embraiagem e nem comentei com ninguém. No sábado à noite, o G. reparou que ele não tinha força, que a manete das mudanças tremia, que se engasgava e mal passava dos 80km/h. Nem coisa de 10min depois, lá se acendeu a luz do motor e o desgraçado está encostado às boxes neste momento, porque sempre que trabalha, parece um tractor.

 

Bom, deixando de tristezas, estou contente por ter levado a cabo este projecto do Blogmas, por ter chegado ao fim sem falhar um único dia, trazendo-vos o Natal para o bairro, com ideias e curiosidades novas. Adorei ver a Sofia, a Marta, a Alexandra, a Mafalda e a Riley a avançar também com o Blogmas e a espalharem estes 25 dias de Natal pelo SAPO, obrigada por terem participado disto e espero que o vosso Natal (e o dos nossos visitantes) tenha sido bom, alegre e com muita paz e amor.

 

Nos próximos dias vai ser complicado passar por cá, mas vou tentar publicar algumas coisas quanto à recta final do mês de Dezembro e do ano de 2015. Ah! E já viram o melhor do meu ano? Não? Então passem aqui.

 

Estou feita cusca! Contem-me coisas do vosso Natal.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.